Fale Conosco

"Microsoft Office bloqueia macros de arquivos baixados pela internet"

Macros do Microsoft Office são poderosas, mas podem ser usadas indevidamente para levar arquivos maliciosos a computadores
Por Bruno Gall De Blasi

A Microsoft resumiu uma atualização que oferece mais segurança ao Office. Na quinta-feira (21), a companhia voltou a bloquear macros baixadas pela internet por padrão ao executar apps da suíte de escritório da companhia. A medida visa impedir o uso indevido de arquivos para atacar computadores com vírus e outras ameaças.

A alteração visa garantir uma camada extra de proteção à suíte. Com a medida, a Microsoft pretende evitar que os computadores sejam infectados com ameaças através de macros. Afinal, por mais útil e inocente que esse recurso possa parecer, um hacker pode aproveitar um arquivo do Office para infectar um computador com vírus.

Por isso, a Microsoft anunciou no começo do ano que passaria a bloquear toda macro em Visual Basic for Applications (VBA) baixada pela internet. A decisão, no entanto, não teve uma boa recepção entre os usuários. Por isso, a companhia suspendeu a liberação da atualização no mês passado, em reação às críticas recebidas.

Microsoft Office bloqueia macros baixadas pela internet
Mas não demorou muito para a empresa retomar os seus planos. Recentemente, o painel de atualizações do Microsoft 365 recebeu um novo aviso:

“Com base em nossa análise dos comentários dos clientes, fizemos atualizações para nosso usuário final e nossa documentação de administração para deixar mais claro quais opções você tem para diferentes cenários”, afirmaram. “Por exemplo, o que fazer se seus usuários tiverem arquivos no SharePoint ou arquivos em um compartilhamento de rede.”

A nova documentação acompanhou a liberação da atualização. Dessa forma, a Microsoft voltará a limitar a execução de macros obtidas em origens desconhecidas. Assim, ao abrir os arquivos, os usuários receberão o seguinte aviso: “a Microsoft bloqueou a execução de macros porque a origem desse arquivo não é confiável”.

A notificação aparece ao executar um arquivo com uma macro baixado pela internet. Além do alerta, o usuário tem acesso a um botão de “Saiba mais” para levá-lo a um guia com mais instruções sobre a medida e como acessar a macro. Mas não são todas as versões que serão afetadas neste momento.

Segundo um documento da Microsoft, a atualização afeta o Access, Excel, PowerPoint, Visio e o Word. Além disso, a alteração começou a ser distribuída na versão 2203.

“À medida que distribuirmos essa alteração para o Canal Atual nas próximas semanas, nem todos os clientes verão a alteração imediatamente”, explicaram. “A alteração não afeta o Office em um Mac, Office em dispositivos Android ou iOS ou Office na Web”.

Vale lembrar que a Microsoft também desativou macros do Excel 4.0 neste ano.


Fonte: Tecnoblog